...

...

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

orgasmo feminino

Aqui somos todas amigas e adultas, então agora teremos uma conversa entre amigas, certo?! Nunca postei nada do tipo, mas acho interessante termos livre arbítrio para falarmos do que quiser. 



Orgasmo feminino - Uma conquista

Falar de sexo, mesmo nos dias atuais, ainda é um tema que permeia o preconceito das pessoas em geral, independente de faixa etária, gênero ou classe social. Muitos são os que ainda confundem e pensam que quando se fala em sexo, se fala em pornografia, ou que isso remetesse à vulgaridade. Seja como for, falar da própria sexualidade, do sexo, do desejo e do orgasmo é algo impensável.
Estima-se que pelo menos 50% dos casais sofrem com questões relacionadas ao sexo! Ter problemas com o sexo é não ter desejo, não ter orgasmo ou se encontrar impossibilitado de ter ou manter o ato sexual.

Falando um pouco da questão do orgasmo, mais precisamente do orgasmo feminino, a maneira como o assunto é tratado não é diferente. Um terço das mulheres não consegue ter orgasmo ou têm dificuldade em alcançá-lo. Muitas delas pensam: “Eu sou a única!”; “Nunca vou conseguir!”; “Meu marido não consegue me dar orgasmos!”. Nesse caso elas acreditam que se não sentem orgasmos é porque os maridos não souberam como fazê-las chegar lá!
Como se dá o orgasmo então?
O orgasmo é um dos ciclos da resposta sexual humana, ele vem depois do desejo e da excitação, é o clímax. É uma sensação extremamente agradável e prazerosa, da qual toda mulher deveria ter!
Por que tantas mulheres não têm orgasmo? Por vários motivos: a) Ainda vivemos em uma sociedade repressora, que considera que as mulheres devem se preservar e que o direito de liberar as energias sexuais ficou apenas para os homens – mas as mulheres também sentem prazer, têm hormônios, têm libido; b) Muitas pessoas, por questões religiosas, consideram a masturbação um pecado; c) Ouvimos falar que nosso prazer depende dos homens – Nosso prazer não depende dos homens e nem está subordinado a eles – As mulheres precisam aprender que cabe à elas esse momento afortunado, mas elas não sabem como! Existem outros motivos e considero que o mais importante de todos é destacar que: d) As mulheres, diferentemente da maioria dos homens, não conhecem o próprio corpo, nunca se masturbaram, ou o fizeram em raras ocasiões; sentem receio, vergonha e medo em tocar o próprio genital.
Os meninos se masturbam desde cedo, e desde cedo aprendem a ter orgasmos. Essa fase da resposta sexual humana talvez seja a mais simples para eles, depois eles vão se deparar com outras questões sobre sua sexualidade.
As mulheres ainda não conseguiram alcançar essa naturalidade que os homens têm em se masturbar, e talvez nem pense nisso como algo provável e de fundamental importância para que elas tenham o conhecimento do próprio corpo e das sensações que lhes são prazerosas. Elas ainda não entenderam que esse é o caminho de maior sucesso para se conseguir o tão desejado “orgasmo”!
A mulher precisa se tocar, precisa se masturbar para se conhecer e deixar de ter receio com o próprio corpo. Dessa maneira ela vai aprender a sentir prazer e poderá ensinar ou ajudar o seu parceiro a fazê-la sentir. A vagina faz parte do corpo tanto quanto os dentes, o cabelo e as unhas, e por que elas passam horas cuidando disso e não conseguem passar sequer um minuto olhando ou tocando a própria vulva?

Keila Oliveira
Psicóloga, Sexóloga, Terapeuta Sexual